Palavra do Cliente

Após a elaboração do projeto de monografia, elaboramos a monografia, e, com o projeto da monografia pronta, realizar a monografia torna-se uma tarefa simples, àlias, a ClickMonografias torna tudo muito simples.

CLIENTE - Marcio Cândido

NOTÍCIAS E ARTIGOS

O QUE É PRECISO PARA A SUA MONOGRAFIA PRONTA SER APROVADA?

Muitas definições, conceitos e caminhos foram oferecidos ao longo desses artigos. O aluno deve estar ciente de que o que levará a um bom resultado com a sua monografia é a autenticidade e a originalidade. Por mais que ele tenha seguido outros escritores e feito uma revisão de literatura coerente é necessário que haja apego à reflexão própria de forma criativa e exaustiva sem ater-se as palavras de outrem simplesmente.

Outro passo é seguir fielmente as normas da ABNT as quais serão encontradas em editais e normas técnicas que são vendidas pelo site, com autorização expressa de uso pela ordem em seu nome ou seguir o manual que a sua banca de orientação solicitar. Formatar é importante e seguir todas as regras também.

Um projeto de monografia e um esboço monografia bem realizado será um início para o desenvolvimento do texto monográfico. Esteja ciente de que toda a parte da escrita deve ser muito bem planejada.

Seguir a tipologia dos estudos monográficos também é importante:

• Fazer a pesquisa monográfica devidamente;

• Coletar o material necessário para a monografia;

• Escrever os apontamentos que serão úteis futuramente;

• Apresentar esboço da monografia de forma organizada;

• Construir os capítulos para a desenvoltura total do trabalho;

• Concluir;

• Ter uma boa redação provisória e a final também;

• Síntese das etapas para uma produção monográfica

• Sempre que o tema permitir realizar um estudo de caso.

• Propor novas temáticas da pesquisa.

Outra visão atenta que se deve ter é a estética do trabalho. Alguns outros detalhes são importantes:

Errata

É um elemento opcional, destinado a correção de erros percebidos após a impressão. Devendo ser anexada ao trabalho logo após a Folha de Rosto, contendo: número da página e linha em que se encontra o erro, o erro e a sua devida correção, seqüenciados horizontalmente.

Folha de Aprovação

É um elemento obrigatório. Deve conter:

a) Nome do Autor;

b) Título por extenso;

c) Subtítulo por extenso, se houver;

d) Local e Data da Aprovação;

e) Nome, Assinatura e Instituição dos membros que constituíram a comissão avaliadora.

Resumo na Língua Vernácula

Destina-se a uma visão clara e rápida do conteúdo e da conclusão do trabalho, não podendo ultrapassar 500 palavras. O resumo deve conter introdução, metodologia, resultados e conclusões (o "o quê?", o "por quê?", o "como?" e o "para quê?" do trabalho de monografia). Trata-se da parte do trabalho que traz as informações essenciais acerca da monografia, sendo formatado em monobloco, pontuado mas, sem divisão em parágrafos. Após digitado o texto do resumo, deixar uma linha em branco e inserir as palavras-chave (elemento obrigatório, em negrito), ou seja, palavras que identificam a essência do trabalho para indexação, por assunto, nas bibliotecas. As palavras-chave podem ser expressões tais como: Lingüística de Texto, Língua Portuguesa etc...

Resumo em Língua Estrangeira

Tradução integral do resumo na língua vernácula e suas respectivas palavras-chave para um idioma de uso internacional (inglês, espanhol ou francês). Sua apresentação é obrigatória. Deve ser redigido em página separada, traduzindo, também, o termo "resumo" para a língua em que for escrito.

Desenvolvimento

Parte principal do texto. Nele está contida a exposição ordenada e detalhada do assunto proposto. E para que haja um maior aprofundamento deste, irá dividir-se em seções e subseções, que poderão variar de acordo com o tema e o método utilizado pelo autor para a sua explanação (corpo do trabalho). A divisão em capítulos deve ser decidida junto ao orientador da monografia.

Recomendamos, entretanto, destinar capítulos específicos às seguintes partes essenciais da monografia:

revisão da literatura ou fundamentação teórica,

metodologia (materiais e métodos)

análise dos dados, resultados,

discussão dos resultados, articulando com a fundamentação teórica.

Acima, temos "nomes genéricos", cada capítulo receberá títulos adequados ao assunto da monografia.

Metodologia

Apresentar os objetivos geral e específicos, explicitar os procedimentos de coleta de dados e o tratamento metodológico adotado na análise dos mesmos. Delimitar a pesquisa no tempo e no espaço.

ANÁLISE DOS DADOS

A análise dos dados, quando há tabelas, não são os números que dão sentido à interpretação, mas a interpretação que dá sentido aos números.

Talvez, trate-se de uma falsa dicotomia entre estudos qualitativos e quantitativos, ou entre pontos de vista estatístico e não estatístico. A aplicação da matemática não garante o rigor da prova mais do que o uso de inferências garante a significância da pesquisa.

Não importa quão precisas sejam as medidas, o que é medido continua a ser uma qualidade. O processo de alcançar precisão auxilia a esclarecer as idéias e a refundir o conhecimento, mas num sentido fundamental, a pesquisa pode ser chamada qualitativa

Não são os números que aferem cientificidade ao trabalho, mas a interpretação produzida pelo cientista dos resultados estatísticos. As tabelas, muitas vezes, representam mais uma tentativa de camuflar do que explicar dados numéricos.

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

MARTINS, GA & LINTZ, A. Guia para a elaboração de monografias e trabalhos de conclusão de curso. Editora Atlas, 2000. (exemplar do professor)